Rotary ajuda no empoderamento de meninas no México

Por Sofia Brega, ativadora da Paz Positiva do Rotary e associada do Rotaract Club de Juárez Centro, Chihuahua, México.

Tendo crescido em Ciudad Juárez, no México, sempre soube que queria trabalhar no empoderamento de meninas e com os direitos das mulheres. Queria ser uma ativista pelos direitos das mulheres, então decidi trabalhar com a Girl Up, uma organização que trabalha para promover oportunidades para que as meninas sejam líderes. Se trata de uma iniciativa baseada em um clube que apoia projetos centrados nos direitos das mulheres e conscientiza sobre os desafios atuais das mulheres no México e em outros lugares.

Sofia Brega fundou os Ativadores da Paz Cuidad Juárez, um grupo que forma outros agentes de mudança e desenvolve conteúdos de paz positiva para as escolas.

Pouco depois de envolver-me com essa organização, fundei um clube Girl Up em Ciudad Juárez: Girl Up Fronterizas. Quem diria que tudo o que precisava era uma busca no Google e um grupo de mulheres com aspirações que estava comprometidas com o empoderamento de meninas.

Continuar lendo

Mudando 2 milhões de vidas juntos

Por Victoria Ifould, oficial internacional de doações da ShelterBox

A ShelterBox é parceira do Rotary na resposta a desastres

Graças ao suporte dos clubes de Rotary e Rotaract ao redor do mundo, a ShelterBox já apoiou mais de dois milhões de pessoas em 98 países.

Juntos, nós ajudamos dois milhões de pessoas com ajuda de abrigo emergencial, itens essenciais e treinamento para ajudar na recuperação após um desastre ou conflito.

Phuleswari é uma dessas dois milhões de pessoas apoiadas pela ShelterBox. Quando o ciclone Amphan atingiu a Índia, ele destruiu a casa de Phuleswari e a maioria de seus pertences. As chuvas devastaram a região inteira, com as águas das inundações chegando aos joelhos de Phuleswari. A tempestade deixou a família sem nada.

Continuar lendo

Crianças ajudando crianças: o Rotary trabalha com um orfanato para alimentar crianças de rua em Meru, Quênia

Por Dickson Ntwiga, membro da Equipe de Consultores Técnicos da Fundação Rotária e curador do Rotary Kenya Country Office

Em maio de 2020, quando os casos de covid-19 estavam aumentando no Quênia, nós, associados do Rotary Club de Meru, decidimos ajudar o grupo mais vulnerável da nossa comunidade: as crianças de rua no condado de Meru. Na época, o Quênia tinha acabado de reportar 758 casos de covid, com 42 mortes e 284 recuperações. Medidas significativas tinham sido implementadas para conter a transmissão do vírus. Escolas, faculdades e universidades fecharam, e houve um aumento de 50% nos preços de alimentos.

Foi um momento desafiador, mas decisivo que nos fez entrar em ação.

Rotarianos e crianças do orfanato Cloverleaf preparam alimentos para as crianças de rua.
Continuar lendo

Rotary: Brasil leva expertise em cirurgias faciais à Ucrânia

Foi por uma troca de mensagens no Facebook, na qual o ortodontista brasileiro Saulo Borges, associado do Rotary Club de Arcos (MG), entrou em contato com o Rotary Club de Simferopol, na Ucrânia, e deu início a um dos maiores projetos de cooperação internacional entre um clube do Brasil e clubes do exterior: o projeto Smile Ukraine, para tratamentos de pacientes com fissuras e anomalias dentofaciais.

Brasileiros levaram técnicas que não era conhecidas na Ucrânia

Em sua mensagem, Saulo propôs um intercâmbio de profissionais voltado ao corpo médico do Hospital Infantil da Crimeia, que era apoiado pelo clube de Simferopol. A ideia era trabalhar o desenvolvimento de competências e melhoria da prática de cirurgias em crianças com fissura labial, conforme solicitado por aquele hospital. Para realizar esse treinamento, Saulo conseguiu o apoio de profissionais da Universidade de São Paulo (USP) em Bauru, onde ele foi aluno.

Continuar lendo

Trabalhando com um Núcleo Rotary

Por Jennifer Shertzer, do Rotary Club de Plano West 

Enquanto as manifestações por justiça racial aconteciam nos Estados Unidos em meados de 2020, os associados do Rotary Club de Plano West, no estado americano do Texas, pensavam nos riscos trazidos pela covid-19. Isso os compeliu a envolver mais gente no serviço do Rotary e encontrar um meio seguro de apoiar a equidade para os negros. 

Queríamos fazer algo positivo pelos moradores da área, e para este fim nos reunimos com vários residentes de um bairro negro histórico chamado Douglass, que foi fundado no século XIX. Em colaboração com líderes locais, o Núcleo Rotary de Desenvolvimento Comunitário (NRDC) de Plano Douglass foi criado em 26 de junho de 2020 para formalizar um relacionamento com o clube e estabelecer parcerias em projetos para a comunidade.  

Continuar lendo

Celebre o Dia Mundial de Combate à Pólio com o Rotary

Dia 24 de outubro, o Rotary transmite a Atualização Global do Dia Mundial de Combate à Pólio. Este ano, o programa está dividido em blocos menores, para você poder escolher e assistir primeiro os temas que mais te interessam.

Se você está curioso para saber o que vem por aí, veja abaixo os principais destaques do programa deste ano.

Vídeo mostra trabalho de vacinação no Paquistão
Continuar lendo

O rotariano Benjamin List recebe o Prêmio Nobel de Química

Por Florian Quanz

O Prêmio Nobel de Química deste ano vai para o alemão Benjamin List, associado do Rotary Club Mülheim a. d. Ruhr-Schloß Broich, e para o pesquisador americano nascido na Escócia David W.C. MacMillan. Ambos desenvolveram métodos para acelerar reações químicas.

A Revista Rotary da Alemanha fez uma breve entrevista com Benjamin List, que conduz suas pesquisas no Instituto Max Planck para Pesquisas com Carvão, na cidade de Mülheim.

Benjamin List: rotariano e ganhador do Prêmio Nobel de Química (Foto: Frank Vinken for MPG, Max-Planck-Institut für Kohlenforschung)
Continuar lendo

Telepolio 2021: saúde e vacinas em foco

“Precisamos nos recuperar desse atraso vacinal, especialmente nesse cenário de volta do convívio social. Carteiras de vacina em atraso significam o risco de introdução de doenças já controladas. A pólio é uma delas. Não podemos ter esse tipo de recuo, sonhar com essa perspectiva de retorno de doenças já controladas”.

O alerta é do infectologista e pediatra Renato Kfouri, diretor da Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm). Kfouri é um dos especialistas em saúde que participam da edição de 2021 do Telepolio, programa organizado por associadas e associados do Rotary no Brasil para arrecadação de fundos para o combate à poliomielite.

Continuar lendo