Mudança de realidade com acesso a sanitários

Por Clem van den Bersselaar, associado do Rotary Club de Ormoc Bay (Filipinas)

Se você perguntar a um filipino que mora na zona rural do país onde ele faz as suas necessidades, provavelmente ele virará a cabeça para um lado qualquer e dirá: “por aí”. Isso significa que qualquer local com o mínimo de privacidade vira seu banheiro. Já as mulheres têm que percorrer distâncias mais longas para evitar olhares curiosos e agressões. Na verdade, quando os agentes de saúde falam sobre os riscos da defecação a céu aberto, eles mencionam obviamente as infecções parasitárias e bacterianas, mas também enfatizam a alta porcentagem de mulheres molestadas ou assediadas.

Em novembro de 2013, parte da província de Leyte, nas Filipinas, foi atingida pelo devastador tufão Haiyan, o pior na história do país. O vendaval afetou 25 milhões e matou quase 6.000 pessoas, causando um enorme prejuízo em toda a ilha.

Logo após o tufão, Rotary Clubs de vários países prestaram socorro. Eles doaram mantimentos e trabalharam com ONGs para reconstruir casas. Depois que a assistência imediata foi prestada, o foco mudou para a restauração do abastecimento de água e construção de instalações sanitárias.

O Rotary Club de Ormoc Bay identificou a Fundação WAND e várias ONGs da província de Samar para construir 20.000 latrinas. Os contatos prévios da Fundação WAND com o Rotary Club de Malmö International, na Suécia, fizeram com que fosse mais fácil apresentar este projeto no 8º Workshop Multiclubes, realizado em Ischia, na Itália. O projeto foi aceito e os parceiros solicitaram um Subsídio Global, aprovado em fevereiro de 2016. Sete Rotary Clubs e três distritos da Itália, Filipinas e Suécia contribuíram para o projeto, no valor de US$ 52.000.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A iniciativa englobou a construção de 222 banheiros em vários barangays (pequenas unidades governamentais das Filipinas), seis coletores de água da chuva, sete estações comunais de lavagem das mãos, 20 filtros bioareia e seminários para as comunidades beneficiárias. Como resultado, quase 1.100 pessoas agora têm acesso a instalações sanitárias adequadas e cerca de 600 possuem abastecimento regular de água potável. O seminário incluiu uma série de discussões em grupo e um workshop para demonstrar que práticas podem prevenir a contaminação hídrica e ilustrar a conexão entre água, saneamento e higiene. Também foram abordados os custos médicos relacionados à defecação a céu aberto, a fim de ajudar a comunidade a entender quanto dinheiro é gasto no tratamento de doenças resultantes da falta de higiene e saneamento.

Estamos felizes em informar que as comunidades beneficiárias não tiveram um único caso de infecções parasitárias ou diarreicas desde que o projeto foi concluído. Agora, quando alguém pergunta onde eles fazem as necessidades, os moradores dizem: “aqui”!

Quer apoiar um projeto internacional? Participe do Workshop Multiclubes de 2017, em Londres, na Inglaterra. O 11º evento anual será realizado de 6 a 10 de setembro. Saiba mais e acesse o  website para mais informações. 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s